Publicado por: blogdoprudencio | janeiro 11, 2012

10 tecnologias em que sua empresa deve ficar de olho em 2012 – Planeje-se

Lista traz novidades como tablets e o Windows 8 juntamente com velhos conhecidos como discos de estado sólido e o sistema Linux.
Há uma variedade de novas tecnologias avançando em 2012 que você devia investigar, se já não estiver fazendo isso, para dar um impulso para sua pequena empresa frente à concorrência. Essas tecnologias recentes estão começando a ser adotadas de forma ampla e continuarão a direcionar os negócios para frente.

.
1. Tablets
Os tablets são altamente visados, e muitos usuários os querem, nem que seja para apenas ler livros e consumir mídia. No entanto, a partir de uma perspectiva corporativa, substituir notebooks por tablets de custo mais baixo pode ter um benefício duplo de reduzir gastos assim como aumentar a satisfação dos usuários. A segurança pode ser um problema, para proteger os dados da companhia e manter afastados os malwares e outras ameaças. Felizmente, tanto os fornecedores de criptografias quanto os fabricantes de antivírus estão ocupados criando produtos focados no mercado corporativo que podem ajudar a melhorar a segurança desses dispositivos.

.
2. Windows 8
Como as versões anteriores do Windows, o Windows 8 provavelmente não será adotado com muita pressa. No entanto, as capacidades intrigantes do novo sistema da Microsoft, especialmente em conjunto com o Windows Mobile 8 e o Windows Server 8 para criar um ambiente de comunicações unificado, fácil de usar e totalmente capaz pode significar uma adoção rápida para empresas altamente móveis que podem se beneficiar do modelo de acesso a partir de qualquer local.

.
3. Grandes dados
A companhia que pode melhor servir seus clientes será aquela com mais chances de sucesso – e isso está relacionando a saber o máximo possível sobre esses clientes. O Hadoop é um sistema desenvolvido pela Apache Foundation para processar grandes quantidades de dados. À medida que as organização acumulam terabytes de dados sobre consumidores, processos corporativos, parceiros e mais, o modelo de uma única base de dados rodando em um só servidor torna-se menos útil. O Hadoop roda em vários sistemas ao mesmo tempo, permitindo maiores conjuntos de dados assim como ferramentas de busca separadas para diferentes propósitos.

.
4. Virtualização de armazenamento
A virtualização de armazenamento permite que muitos recursos úteis sejam armazenados em sistemas de rede. Colocar uma camada de virtualização entre os servidores permite abastecimento fino, empilhamento automático de armazenamento, snapshots instantâneas e deduplicação. Como não há uma relação direta entre o volume que um servidor organiza e o armazenamento físico sendo usado, um volume pode na verdade ser espalhado por vários sistemas. Isso permite que os arquivos mais usados sejam armazenados nos drives mais rápidos (empilhamento automático), para os volumes serem expandidos conforme necessário (abastecimento fino), para um sistema armazenar apenas uma cópia de cada arquivo único (deduplicação) e para cópias instantâneas de volume a serem feitas para backups, recuperação de sistema, e outros usos (snapshots).

.
5. Virtualização de redes
Softwares de virtualização de rede, como Vmware e o Hyper-V, são apenas o início de um ambiente verdadeiramente virtual. Para criar uma nuvem privada útil, você precisa conseguir construir várias redes separadas, cada uma rodando diferentes aplicativos virtuais. Isso habilita redes para clientes, usuários internos, desenvolvedores de programas e por aí vai, sem precisar de um hardware diferente para cada um deles. Combinada com a virtualização de servidores e armazenamento, a virtualização de redes facilita um centro de dados fluido e responsivo, onde você pode mover recursos de uma rede para outra sem precisar reconfigurar o hardware. E com a virtualização de rede, cada servidor virtual pode ter sua própria conexão gigabit Ethernet.

.
6. Backups na nuvem
Administradores de sistema experientes podem ser desconfiados sobre terceirizar aplicativos críticos, mas com backups isso pode fazer muito sentido. Como os backups são uma cópia secundária ou terciária dos seus dados, os backups na nuvem podem satisfazer de modo mais disponível o arquivamento ou a recuperação de desastres do que mover fitas por aí. Uma vez que os serviços na nuvem são normalmente baseados em disco, recuperar é mais rápido do que encontrar, ajustar e ler fitas, e a capacidade pode crescer conforme o necessário sem a necessidade de novos equipamentos.

.
7. Discos de estado sólido (SSDs)
Os discos de estado sólido estão no mercado há anos, mas duas coisas podem movê-los para um papel mais central no ambiente de TI. A primeira delas é a capacidade de um número de sistemas usar os SSDs como cache, efetivamente dando a um sistema inteiro de armazenamento a performance de SSDs enquanto mantém o baixo custo do armazenamento baseado em discos rígidos. O segundo fator é a destruição das fábricas de discos rígidos com a enchente na Tailândia neste ano. Os preços de HDs provavelmente continuarão altos em 2012. Ao mesmo tempo, os valores dos SSDs estão caindo e suas habilidades cada vez melhores.

.
8. IPv6
A versão 6 do Internet Protocol substitui o antigo IPv4. Bloqueio de endereços para novos domínios não estão mais disponíveis para o IPv4. Isso não significa que você não possa mais ter um endereço IPv4. No entanto, o IPv6 está começando a ser adotado mais amplamente, e pode render vantagens substanciais – como comunicações unificadas ou acesso remoto usando o Windows 2008r2, onde um usuário pode acessar facilmente recursos corporativos a partir de qualquer lugar no mundo.

.
9. Linux
O Linux não é nada novo, e tem sido usado por muitos anos em tarefas especializadas como servidores web e servidores de aplicativos. Agora, no entanto, o sistema de código aberto está fazendo seu caminho para os ambientes de produção, com servidores de base de dados, servidores de arquivo e impressão, e até mesmo estações de trabalho rodando o SO. Sua ótima customização, capacidade de rodar em computadores muito mais baratos do que o Windows consegue, e a disponibilidade de aplicativos de código aberto maduros para praticamente qualquer app corporativo significa que ele pode ser uma opção muito mais em conta de rodar do que os sistemas operacionais rivais.

.
10. Aplicativos na nuvem
Os serviços na nuvem se expandiram nos últimos anos de aplicativos especializados, como folha de pagamento, até pacotes corporativos mais gerais como Office 365 ou Google Apps for Business, para chegar até essenciais de TI como armazenamento ou servidores. Apesar de as quedas de serviço e perda de dados terem sido muito noticiados, elas na verdade afetaram relativamente poucos clientes por períodos curtos de tempo. O truque verdadeiro é usar a nuvem de forma eficiente enquanto se mantém a segurança e a disponibilidade dos dados – o que não é uma tarefa fácil..
.
Um empresário bem preparado precisa estar de olho nas novas tecnologias, em principal, saber como realmente utilizá-las. Promover o progresso dentro da empresa e não se deixar parar no tempo é o papel de um bom empreender. Por isso Planeje-se para o futuro, conheça as novidades e aprenda a aplicá-las dentro do seu negócio, da melhor maneira possível.

.
Fonte: IDG News Service / EUA

.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: