Publicado por: blogdoprudencio | novembro 23, 2011

7 Atitudes simples para você não perder o foco na era da informação – Planeje-se

Provavelmente alguns de vocês já devem ter ouvido falar do famoso “Transtorno do Déficit de Atenção – TDAH“, um transtorno mental cada vez mais comum em nossos tempos. Hoje em dia, além das crianças hiperativas que podemos encontrar em todas as escolas, vários adultos tem se consultado com psiquiatras especializados, alegando possuir essa doença. Muitos universitários tem recorrido aos médicos para que receitem remédios como Ritalina e Conserta para se manterem mais concentrados nos estudos. E também não é mais tão incomum encontrarmos com empreendedores que lançam mão dessa medicação controladíssima, porque não estão mais dando conta do recado, pois suas mentes parecem entrar em parafuso, se perdendo frente a quantidade de informações que precisam assimilar todos os dias.

Os remédios realmente fazem o que prometem e deixam seus usuários um pouco mais “ligados”, mais concentrados em suas tarefas diárias. Porém, o fato é que muita dessa distração vem de nossos hábitos modernos. Em plena era da informação, ficar focado em um único assunto parece ser coisa de “senhores aposentados” que não tem muito o que fazer. Vamos as dicas então:

1. Aprenda a focar no que é mais importante para sua empresa

O seu ramo é alimentação? Varejo? Vende produtos de informática? Não importa sua área de atuação, configure seu navegador para abrir em sites relacionados aos seus negócios. Essa pequena atitude fará com que economize tempo, pois as chances de encontrar informação de qualidade para você, são muito maiores do que se o seu browser estivesse configurado para abrir em um grande portal de notícias.

2. Seja rápido ao se informar

Uma vez estabelecidas as fontes de informação, seja rápido. Você não precisa ler TODAS as notícias que ver pela frente. Leia apenas os títulos para saber o que é mais interessante para você e depois, se necessário, leia o primeiro parágrafo. Se o conteúdo for realmente útil continue, caso contrário, parta para o próximo texto. Isso vale especialmente para notícias.

3. Estabeleça um horário para abrir os e-mails

Uma das coisas que mais causam distrações no trabalho é sem dúvida o e-mail. Ficar com um programa de e-mails aberto, seja no micro ou online, é perder o foco na certa. Creio que não existe nada tão perturbador quanto ficar vendo aquelas janelinhas se abrindo e fechando. A tentação de checar o e-mail é muito grande. Por isso, feche o programa de correio eletrônico. Estabeleça um horário para abri-lo. Pode ser de manhã, logo depois do almoço ou ao final do dia, você escolhe. Experiência própria. Seu dia será muito mais produtivo.

4. Fuja das redes sociais e de sites de entretenimento em horário de trabalho

Se o seu costume matinal é abrir o Facebook ou qualquer outra rede social logo que liga o computador, é melhor mudar de hábito. Você pode até seguir uma série de sites de notícias, mas fatalmente acabará lendo um monte de outras coisas irrelevantes e sem valor para o seu trabalho. Deixe isso para um momento de descontração, como aquele período em que chega do almoço e o expediente ainda não começou, ou no final da tarde, enquanto espera o trânsito dispersar. Se você trabalha em um home office, deixe para abrir o Facebook a noite, bem depois do expediente. Isso também vale para os sites de entretenimento. Resista a tentação e deixe para ver o trailer daquele filme que você está a fim de ver para o final do dia. Do jeito que a informação vem linkada uma com a outra, é quase certo que acabará assistindo outros vídeos. Sem notar, terá perdido preciosos minutos do seu dia.

5. Termine o que começar

Por sermos tremendamente estimulados o dia inteiro, muitas idéias novas surgem a todo momento e com isso acabamos acumulando muitas tarefas. O resultado é que a maioria delas não são concluídas. Ter estímulo é muito bom, mas em excesso, perdemos o foco. Teve uma idéia? É viável? Podemos fazer? Faça até o final. Sei que é difícil, mas essa atitude desanuvia a mente e nos deixa abertos para novas realizações.

6. Não abuse das mensagens instantâneas

Os comunicadores instantâneos como o MSN e o Skype são uma mão na roda quando precisamos falar rapidamente com algum cliente. O fato de não gastarmos com telefonemas nos faz aderir ainda mais a essas ferramentas, mas elas podem se tornar grandes comedoras de nosso tempo se abusarmos delas. Em horários críticos e de expediente, mantenha seu status como “ocupado” ou mesmo “invisível”, se não quiser interrupções. Outra opção é criar duas contas diferentes, uma pessoal, onde estarão seus amigos e outra profissional, onde poderá manter seus clientes e fornecedores.

7. Não tome decisões importantes quando estiver muito cansado

Não digo isso apenas pelo cansaço físico. Na era da informação, o esgotamento não é apenas físico, mas mental. Depois de um dia inteiro na frente do computador, nosso raciocínio fica severamente comprometido com tanta informação processada. A noite estamos exaustos demais para tomar qualquer decisão importante. Por isso, um bom banho quente e uma boa noite de sono são tudo o que precisamos para refletir sobre o problema (ou solução) bem cedo, no dia seguinte. Com a mente mais tranquila, o risco de tomarmos decisões erradas é muito menor.

.
Essas atitudes não são a solução total para os nossos problemas, mas com certeza ajudarão a manter o nosso foco no que é mais importante, o nosso trabalho. E dentro de tantas outras funções na empresa, sempre surge dúvidas. Para isso, eu indico o Planeje-se, uma ferramenta que ajuda na tomada de decisão.
.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: